Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental

São Paulo, 16 de abril de 2014

Produção científica > Artigos e livros

 

ALEXANDRE E SEUS IRMÃOS: PSICANÁLISE DE PIXOTES?


BERLINCK, Manoel Tosta (2009). A Psicopatologia Fundamental: contribuição para a sociedade democrática. In: Psicologia e compromisso social: unidade na diversidade. São Paulo: Escuta, 2009, p. 4356.


BERLINCK, Manoel Tosta - A psicanálise além do divã: a cultura psicanalítica em revistas. Por que escrevem os psicanalistas?

 

BERLINCK, Manoel Tosta(2009). As bases do amor materno, fundamento da melancolia.

 

BERLINCK, Manoel Tosta, KOLTAI, Caterina e CANONGIA, Ana Irene - Esquizofrenia e miscigenação


BERLINCK, Manoel Tosta. A Psicopatologia Fundamental: contribuição para a sociedade democrática.


BERLINCK, Manoel Tosta. CATÁSTROFE Y REPRESENTACIÓN Notas de una teoría general de la Psicopatología Fundamental


BERLINCK, Manoel Tosta. CATÁSTROFE Y REPRESENTACIÓN: Notas de una teoría general de la Psicopatología Fundamental. 1


BERLINCK, Manoel Tosta. Fundamental Psychopathology: contribution to a democratic society.


BERLINCK, Manoel Tosta. La Psicopatología Fundamental: Contribución hacia la sociedad democrática


BERLINCK, Manoel Tosta. Landscape and existence


BERLINCK, Manoel Tosta. Lo que es la Psicopatologia Fundamental?1


BERLINCK, Manoel Tosta. O corpo como fundamento do método clínico: dois momentos históricos e algumas implicações.


BERLINCK, Manoel Tosta. O que é Psicopatologia Fundamental?


BERLINCK, Manoel Tosta. Sobre a elaboração de projeto de pesquisa em Psicopatologia Fundamental


CECCARELLI, P. R. . A construção da masculinidade. Percurso, São Paulo, v. 19, p. 4956, 1998.

 

CECCARELLI, P. R. . A ilusão identitária. Psicanalítica, Recife, v. 6, p. 111118, 1998.

 

CECCARELLI, P. R. . A masculinidade e seus avatares. Catharsis, São Paulo, v. 19, p. 1011, 1998.

 

CECCARELLI, P. R. . A patologia do Social e a delinqüência. Risco Publicação da Associação Mineira de Psiquiatria, Belo Horizonte, p. 75 76.

 

CECCARELLI, P. R. . A sedução do pai. GRIFOS, Belo Horizonte, v. 18, p. 9197, 2001.

 

CECCARELLI, P. R. . Apresentação da autora Joyce McDougall. Percusrso, São Paulo, v. 18, p. 104406, 1997.

 

CECCARELLI, P. R. . As bases mitológicas da normalidade. Latin American journal of fundamental psychopathology on line, São Paulo, 2004.

 

CECCARELLI, P. R. . As multiplas faces de Eros Resenha de Joyce Mcdougall. REVISTA BRASILEIRA DE PSICANALISE, São Paulo, v. 30, n. 3, p. 731734, 1996.

 

CECCARELLI, P. R. . Aspectos legais, éticos e políticos. Revista de Psicologia PLURAL: Revista da Faculdade de Ciências Humanas FUMEC, Belo Horizonte, n. 17, p. 7178, 2002.

 

CECCARELLI, P. R. . Configurações edípicas na contemporaneidade: reflexões sobre novas formas de filiação. Pulsional Revista de Psicanálise, São Paulo, v. 161, p. 8898, 2002.

 

CECCARELLI, P. R. . Contribuição da Psicopatologia Fundamental para a Saúde Mental (A). Revista latinoamericana de psicopatologia fundamental, São Paulo, v. VI, n. I, p. 1325, 2003.

 

CECCARELLI, P. R. . Delinqüência: resposta a um social patológico. Boletim de Novidades da Livraria Pulsional, São Paulo, v. 145, n. 11, p. 513, 2001.

 

CECCARELLI, P. R. . Entrevista com Joyce McDougall. Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, São Paulo, v. IV, n. 4, p. 148152, 2001.

 

CECCARELLI, P. R. . Entrevista com Pierre Fedida. Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, v. IV, n. 1, p. 168174, 2001.

 

CECCARELLI, P. R. . Identidade e instituição psicanalítica. Pulsional Revista de Psicanálise, v. 12, n. 125, p. 4956, 1999.

 

CECCARELLI, P. R. . Ilusão identitária na instituição psicanalítica. RISCO Publicação da Associação Mineira de Psiquiatria, Belo Horizonte, p. 16 17.

 

CECCARELLI, P. R. . Joyce McDougal: uma apresentação. Psychê, São Paulo, p. 100110, 1999.

 

CECCARELLI, P. R. . Joyce McDougall une présentation. Bulletin du Centre de Recherches en Psychologie, Brest França, n. 4, p. 710, 2003.

 

CECCARELLI, P. R. . Le transsexualisme; quelques reflexions sur les avatars des relations au masculin et au féminin chez le transsexuel. TOPIQUE, Paris, v. 55, p. 487502, 1994.

 

CECCARELLI, P. R. . Malestar na identificação. BOLETIM DE NOVIDADES DA LIVRARIA PULSIONAL NO PRELO PUBLIC JAN 97, São Paulo, v. 93, p. 3746, 1997.

 

CECCARELLI, P. R. . May I call you father?. International forum of psychoanalysis, Suécia, v. 12, n. 4, p. 197205, 2003.

 

CECCARELLI, P. R. . Neosexualidade e sobrevivência psíquica. Psychê, São Paulo, v. 2, p. 6169, 1998.

 

CECCARELLI, P. R. . Novos referencias. Jornal "O Tempo", 14 set. 2004.

 

CECCARELLI, P. R. . O sexual da Violência. Pulsional Revista de Psicanálise, São Paulo, v. 106, p. 7881, 1998.

 

CECCARELLI, P. R. . Potencialidades de Perversão. Pulsional Revista de Psicanálise, São Paulo, v. 113, p. 7982, 1998.

 

CECCARELLI, P. R. . Reflexiones acerca de las nuevas formas de paternidad. Transiciones Revista de la Associón Peruana de Psicoterapia Psicanalítica de Niños y Adolescentes, Lima Peru, v. 7, p. 91105, 2004.

 

CECCARELLI, P. R. . Scato Parties:j`ai toujours eu l`Impression que mes selles sont plus propres que celles des autres. SCANSIONS, v. 4, p. 00, 1995.

 

CECCARELLI, P. R. . Sexo, eterno enigma. Revista de Domingo de O Liberal, Belém PA.

 

CECCARELLI, P. R. . Sexo, eterno enigma. Revista de Domingo de O Liberal, Belém, v. 127, 1999.

 

CECCARELLI, P. R. . Sexualidade ainda é o maior enigma. Diário de Pernambuco, Recife, 1999.

 

CECCARELLI, P. R. . Sexualidade e consumo na TV. Psicologia clínica, Rio de Janeiro, v. 16, n. 2, p. 5968, 2004.

 

CECCARELLI, P. R. . Sexualidade e preconceito. Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, São Paulo, v. 3, n. 3, p. 1837, 2000.

 

CECCARELLI, P. R. . Sexualide ainda é o maior enigma. Diário de Pernambuco, Recife.

 

CECCARELLI, P. R. . TVer in Brazil. News on children and violence on the screen, Estocolmo, p. 2.

 

CECCARELLI, P. R. . Transexualism: Nature or Counternature?. INTERNATIONAL FORUM OF PSYCHOANALYSIS, Estocolmo, v. 4, p. 2533, 1995.

 

CECCARELLI, P. R. . Transsexualism, sex and gender. International Forum of Psychoanalysis, Estocolmo, v. 6, p. 141146, 1997.

 

CECCARELLI, P. R. . Ética, mídia e sexualidade. Jornal do Psicólogo, Belo Horizonte, p. 9 9.

 

CECCARELLI, P. R. ; COUTO, L. F. S. . O gozo extático do expectador de uma cena perversa. Malestar e subjetividade, Fortaleza CE, v. IV, n. 2, p. 266276, 2004.

 

CECCARELLI, P. R. ; Maria Cristina Martins . Práticas sexuais ditas. Revista Terapia Sexual Clínica Pesquisa e Aspectos Psicossocias, São Paulo, v. Vi, n. 1, p. 3452, 2003.

 

CECCARELLI, P. R. ; REIS FILHO, J. T. ; OLIVEIRA, L. M. L. ; SANCHES, N. R. A. ; FERREIRA, R. M. ; ABRAS, R. M. G. ; FOSCARINI, S. R. G. . Trauma, perversão e laço conjugal. Reverso, Belo Horizonte, v. 51, p. 7784, 2004.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. "Freud, a Cultura e a Política", in REVISTA PULSIONAL DE PSICANÁLISE, n. 155, (2002), 5566, Editora Escuta, São Paulo.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. "O Atlântico como pátria: livros e idéias entre Brasil e Portugal", CONVERGÊNCIA LUSÍADA, n. 19, (2002), 146162, Real Gabinete Português de Leitura, Rio de Janeiro.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. "Teoria Social e Pensamento Político Lusófono", in VII Congresso LusoAfroBrasileiro de Ciência Sociais, Centro de Esudos de Canoas/ UCAM/ IUPERJ, 12 págs., Rio de Janeiro. (anais do encontro).

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. A violência na boca do Povo in DIREITO E AVESSO, Edições Nair, Brasília, 1983 com Boaventura de Souza Santos, Roberto Lyra, Gizlene Neder, Marilena Chauí, Tarso Genro e outros.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. Ação e Emoção in Anais do V Encontro Brasileiro do Campo Freudiano, Rio de Janeiro, 1995.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. Brazil in the eighties; série Los ensayistas, Georgia Serie on Hispanic Thought, University of Georgia, Nºs 28/29, (1990), 105129, USA.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. Ecos da Segunda República e da Guerra Civil Espanhola no Brasil in REVISTA TEMPO, Programa de PósGraduação em História da Universidade Federal Fluminense (UFF), v.8, Niterói, 1999. Coautoria com Gizlene Neder. Premio V Centenário da Descoberta da América, concedido pelo Gov

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. In nomine Pater: a Ciência Política e o teatro intimista de A. Strindberg, ANTROPOLÍTICA, n 10/11, EdUFF, Niterói.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. Law, Family and Policies for Street Children in Brazil, International Journal of Law, Policy and the Family, 12 (1998). 279287, Oxford University Press.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. Lo próprio y lo ajeno 500 años después: em busca del Oriente perdido, Revista Ibero Americana, vol XI, n. 2 1989.2, Tókio, Japão.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. O (em) nome do Pai pronunciado pela Mãe, Revista PUCCiência, N. 3, Rio de Janeiro, 1989.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. Os Filhos da Lei in Revista Brasileira de Ciências Sociais (RBCS), v. 16, n.45, São Paulo, 2000. Coautoria com Gizlene Neder.

 

CERQUEIRA FILHO, Gisálio. Social and Historical Approaches Regarding Street Children in Rio de Janeiro in the Context of yhe Brazilian Transition to the Democracy, Norwegian Centre for Child Research, Oslo, Norway,2000. Também in CHILDHOOD, Vol.8, n.1, (2001), 1131, Sage Publications, London.

 

CORBISIER, C., VILHENA, J. & ZAMORA, M. H. (2007) Refléxions sue lê dispositif. Groupe et l´humanization de la santé mentale au Brésil. In: Ozório, L. (org.) L´Analyse Institutionnelle, le quotidien et le mondial. LES IRRÉDUCTIBLES. REVUE INTERCULTURELLE ET PLANÉTAIRE D´ANALYSE INSTITUTIONNELLE. Fra

 

Dimenstein, M., Zamora, M.H. VILHENA, J (2005) Sobre a vida dos jovens nas favelas cariocas. In:Revista do Departamento de Psicologia UFF. Niteroi, UFF.16. 1. pp 2439

 

ESTELLITALINS, Carlos Eduardo Freire . Apresentação de Pierre Klossowski. 34 Letras, Rio de Janeiro, v. 1989, n. 56, p. 143146, 1989.

 

ESTELLITALINS, Carlos Eduardo Freire . Como Freud analisava? Escritos sobre a técnica e casos clínicos.. Anuário Brasileiro de Psicanálise, Rio de Janeiro, v. 1995, n. 3, p. 195197, 1995.

 

ESTELLITALINS, Carlos Eduardo Freire . Controvérsias clínicas sobre o tratamento das psicoses. Controvérsias Em Psicanálise, Rio de Janeiro, v. 2, n. 2, p. 113118, 2000.

 

ESTELLITALINS, Carlos Eduardo Freire . De projeto e de máquinas.. Letra Freudiana Escola Psicanálise Transmissão, Rio de Janeiro, v. 14, n. 15, p. 8798, 1995.

 

ESTELLITALINS, Carlos Eduardo Freire . Observações sobre tempo e sujeito.. Letra Freudiana Escola Psicanálise Transmissão, Rio de Janeiro, v. 16, n. 22, p. 95104, 1997.

 

ESTELLITALINS, Carlos Eduardo Freire . Terapêutica dos transtornos invasivos do desenvolvimento. In: Congresso Brasileiro de Psiquiatria, 2004, Salvador, BA. Anais do Congresso, 2004. v. 1. p. 432432.

 

FIGUEIREDO, Ana Cristina TENÓRIO, F. O diagnóstico em psiquiatria e psicanálise, Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, vol.V, nº 1, mar 2002.

 

FIGUEIREDO, Ana Cristina. A construção do caso clínico: uma contribuição da psicanálise à psicopatologia e à saúde mental, Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, vol.VII, nº 1, mar 2004.

 

FIGUEIREDO, Ana Cristina. Observações sobre a clínica psicanalítica na rede pública de saúde, Revista de Psicanálise do CPRJ, vol.17, 2003.

 

FIGUEIREDO, Ana Cristina. Therapeutic communication: an intersection between psychical reality and social reality, Latin American Journal of Fundamental Psychopathology, nº1, jun 2002, periódico on line, http://www.fundamentalpsychopathology.org

 

FRANCA, Darcy Cesário - Quero ir para minha casa ? minha casa é o Marajó

 

FRANCO, Sérgio de Gouvêa e WONDRACEK, Karin - Freud e o caso AB: entre a esperança e a ruína

 

Freire, C. Moreira, V. (2003) Psicopatologia e religiosidade no lugar do outro: uma escuta levinasiana [Psychopathology and religiosity in the place of the other: listening the perspective of Lévinas]. Psicologia em Estudo, 8 (2), 3 9.

 

MAIA, M .V., ZAMORA, M. H., VILHENA, J. & Bittencourt, M. I. (2007) Crianças "impossíveis" - quem quer, quem se importa? In: PSICOLOGIA EM ESTUDO. v.12, p.335 – 342.

 

MEDEIROS, S. & VILHENA, J. (2006) A estética e o valor econômico. In Rudge (org) TRAUMAS, São Paulo. Ed. Escuta. Pp 157-174

 

MENEZES, Aluísio Pereira de. "O tempo que passa e a clínica"

 

MOREIRA, A. C. G. & VILHENA, J. (2008) O mito da dor de cotovelo. Se ao menos eu pudesse esquecer. In: JORNAL DE PSICANÁLISE. Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo. Vol 40- N.73 pp 213-219.

 

MOREIRA, Ana Cleide Guedes. A Melancolia na obra de Freud: um narciso sem [des]culpa. Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, São Paulo, v. IV, n. 4, p. 92102, 2001.

 

MOREIRA, Ana Cleide Guedes. A melancolia em Sonata de Outono de Bergman. Revista Tempo Psicanalítico, Rio de Janeiro, v. 34, p. 167174, 2002.

 

MOREIRA, Ana Cleide Guedes. A melancolia na obra de Freud: um narciso sem [des]culpa. Estados Gerais da Psicanálise Home Page, Paris França, 2000.

 

MOREIRA, Ana Cleide Guedes. Eros, melancolia e Aids. Revista Correo da Apoa, Porto Alegre, v. 1, n. 63, p. 2431, 1998.

 

MOREIRA, Ana Cleide Guedes. Melancolia e Aids: da urgência de escuta do sintoma. Pulsional Revista de Psicanálise, São Paulo, v. 10, n. 93, p. 2336, 1997.

 

MOREIRA, Ana Cleide Guedes. Um narciso sem [des]culpa. Encontro Sul Americano dos Estados Gerais da Psicanálise, Home page. São Paulo, 1999.

 

OREIRA, Ana Cleide Guedes; BERLINCK, Manoel Tosta. Mania de saber:Ironia e melancolia no Alienista de Machado de Assis. Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, São Paulo, v. VI, n. 2, p. 99113, 2003.

 

MOREIRA, Ana Cleide Guedes; OLIVEIRA, Paulo de Tarso Ribeiro de; Sofrimento Psíquico e Trabalho Hospitalar. Enviado para publicação: Pulsional Revista de Psicanálise, 2004.

 

Maia, M.V. VILHENA, J (2004). Que tu és como um Deus princípio e fim. reflexões sobre a paixão e o desamparo do desamor. In Acheronta. Revista Elerônica de Psicoanalysis. N. 18.http://www.acheronta.org.

 

Moreira, V. Coelho, N. (2003).Phenomenology of schizophrenic experience: a critical cultural study in Brazil and in Chile. Terapia Psicológica. 21(2), 7586.

 

Moreira, V. de Aramburú, B. (1999). ¿ Psicopatologias? Hacia una comprensión históricocultural [Psychopathologies? Towards a historicalcultural understanding]. Revista Terapia Psicológica, 7, 7 16.

 

Moreira, V. (1999). Bases epistemológicas de la psicología humanista [Epistemological bases of the humanistic psychology]. Revista de la Facultad de Humanidades, Universidad de Santiago de Chile 4(4), 8796.

 

Moreira, V. (1999). Grupo de Encontro com mulheres maltratadas [Encounter group with battered women]. Estudos Psicológicos, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 4 (1), 6178.

 

Moreira, V. (1999). Modos de constitución de la subjetividad: una perspectiva fenomenológica transcultural [Ways of subjectivity’s constitution: a crosscultural phenomenological perspective]. Psykhe, 8(1), 2731.

 

Moreira, V. (2000). Ideologia e psicopatologia: uma discussão fenomenológica transcultural [Ideology and psychopathology: a phenomenological crosscultural discussion]. Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental,3 (4), 80 – 91.

 

Moreira, V. (2000).Tratamiento y prevención de la violencia conyugal: un estudio incial sobre la indicación del Grupo de Encuentro [Treatment and prevention of marital violence: an initial study on the indication of the Encounter Group]. Psyke, 9 (1), 3945.

 

Moreira, V. (2001) Psicopatología y contemporaneidad: individualismo como síntoma contemporáneo [Psychopathology and contemporaneity: individualism as a social symptom]. Revista Terapia Psicológica, 1(19) 3338.

 

Moreira, V. (2001). Psicopatologia, fenomenologia e cultura: a contribuição de Arthur Tatossian [Psychopathology, phenomenology and culture: the contribution of Arthur Tatossian]. In Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, 3 (4) 127130.

 

Moreira, V. (2003). The ideological meaning of depression in the contemporary world. International Journal of Critical Psychology. 9, 143159.

 

Moreira, V. (2004). O método fenonomenológico de MerleauPonty como ferramenta crítica na pesquisa em psicopatologia.[MerleauPonty´s phenomenological method as a critical tool in the research in psychopathology] . Psicologia: Reflexão e Crítica. 17 (3), 447456.

 

Moreira, V. (2005). Ecology in the multiple contours of psychopathology. Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, 8 (1), 5463.

 

NOVAES, J. & VILHENA, J. (2006) Dormindo com o inimigo. Mulher, feiúra e a busca do corpo perfeito. In: COMCIÊNCIA - LABJOR UNICAMP/SBPC , n.78.

 

NOVAES, J. V., VILHENA, J. & LEMGRUBER, M. (2008) Sexualidade feminina e envelhecimento: apenas uma questão cirúrgica?Algumas considerações acerca das cirurgias estéticas ginecológicas. In: REVISTA POLEMICA n.23. UERJ.

 

NOVAES, J. V., VILHENA, J. Moreira, A. C. G. & ZAMORA, M. H. (2009) As crianças que ninguém quer: A clínica psicanalítica em uma instituição de portas abertas. ARQUIVOS BRASILEIROS DE PSICOLOGIA. Rio de Janeiro. UFRJ. Vol 69. N.1 pp 16-29

 

Novaes, J.V. VILHENA, J. (2003). "Enfermedades de la belleza:la fealdad intolerable". In: Psicoanálisis y el Hospital, Ed. Psichos, Buenos Aires, v. 12, n. 24, pp. 3843.

 

Novaes, J.V. VILHENA, J. (2003). De Cinderela a Moura Torta. Sobre a relação mulher, beleza e feiúra. In: Interações, Unimarco, São Paulo, v. VIII, n. 15, pp. 0936.

 

PINHEIRO, N. & VILHENA, J. (2007) "Entre o público e o privado: a clínica psicanalítica no ambulatório hospitalar", ARQUIVOS BRASILEIROS DE PSICOLOGIA. Rio de Janeiro,UFRJ. Vol 59, n2.

 

PINHEIRO, N. & VILHENA, J. (2007) De paciente a sujeito: a difícil passagem do público para o privado. reflexões sobre o atendimento psicanalítico em ambientes hospitalares. In: REVISTA VIVÊNCIAS.RN, UFRN n.30. pp 89-99.

 

PINHEIRO, N. & VILHENA, J. (2008) Nem Público nem privado, muito pelo contrário: sobre a clínica psicanalítica no ambulatório hospitalar. In: ESTUDOS E PESQUISAS EM PSICOLOGIA. 8, n.1. Rio de Janeiro, UERJ. pp 101-109.

 

RABELLO, Silvana. Coloquio Internacional Sobre El Metodo Clinico

 

Rezende, M. M. . A complexa questão da prevenção do uso de drogas entre estudantes: breves considerações. Rev de Ciênc da Educação, Lorena, v. 2, n. 3, p. 165175, 2000.

 

Rezende, M. M. . A escola e a prevenção do uso de substâncias psicoativas: aspectos do hiato entre o alarme e as ações.. Integração Ensino Pesquisa Extensão, São Paulo, v. 8, n. 28, p. 1214, 2002.

 

Rezende, M. M. . Abordagem familiar no tratamento de toxicodependentes: aspectos esquemáticos de uma modalidade de atendimento. Psicólogo Informação, São Bernardo do Campo, v. 5, n. 5, p. 3544, 2001.

 

Rezende, M. M. . Formação e experiência de profissionais de saúde mental que tratam toxicodependentes. Psicologia Clínica PósGraduação e Pesquisa (PUC/RJ), PUCRJ, 2004.

 

Rezende, M. M. . Modelos de análise do uso de drogas e de intervenção terapêutica: algumas considerações. Rev Biociênc, Taubaté, v. 6, n. 1, p. 4955, 2000.

 

Rezende, M. M. . Traumas e o congresso de Psicopatologia Fundamental. Mudanças: Psicoterapia e Estudos Psicossociais, São Bernardo do Campo, v. 13, n. 2, 2004.

 

Rezende, M. M. . Uma provável caracterização do profissional de Saúde Mental que atende dependentes de drogas no Vale do Paraíba.. Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, São Paulo, v. VI, n. 1, p. 100108, 2003.

 

Rezende, M. M. . Uso, abuso e dependência de drogas: delimitações científicas e sociais. Psicologia Sociedade, São Paulo, v. 12, n. 1/2, p. 145155, 2000.

 

Rezende, Manuel Morgado. Apontamentos de experiências brasileiras de tratamento de dependentes de drogas, in Cérebro, inteligência e vínculo emocional na dependência de drogas. Editora Vetor, 2003.

 

Rezende, Manuel Morgado. Aspectos qualitativos de profissionais de saúde mental que tratam dependentes de drogas, in Cérebro, inteligência e vínculo emocional na dependência de drogas. Editora Vetor, 2003.

 

Rezende, Manuel Morgado. Formação e experiência de profissionais de saúde mental que atendem toxicodependentes. Revista de psicologia da PUCRJ. 17(1).

 

Rezende, Manuel Morgado. Notícia sobre o Congresso Nacional e Internacional de Psicopatologia Fundamental realizado na PUCRJ, na revista Mudanças: Psicologia da Saúde, 13(2), juldez, 2004.

 

SCAZUFCA, Ana Cecília Magtaz - Clara, uma mocinha amarrada

 

SCAZUFCA, Ana Cecília Magtaz e BERLINCK, Manoel Tosta - Sobre o tratamento psicoterapêutico da Anorexia e da Bulimia

 

SCHMIDT, Moema Belloni - “Um dia de CAPS”

 

SERRA, D. & VILHENA, J, (2009) A Inclusão Educacional de Alunos com Transtornos Invasivos do Desenvolvimento. In: LAMOGLIA (Org.)Temas em Inclusão: Saberes e Práticas. Rio de Janeiro. UNIRIO.

 

SINGER, Flora. Alteridad y psicoanálisis. El psicoanálisis francés en el fin de siglo. En “Fin de siglo, fin de milenio”, Revista Uruguaya de Psicoanálisis de la A.P.U. No. 79/80, Montevideo, págs. 155/168, 1994.

 

SINGER, Flora. El duelo, ¿qué modelización? Revista Latinoamericana de Psicopatología Fundamental Vol. II No.1, Sao Paulo, págs. 129/140, 1999.

 

SINGER, Flora. El estatuto paradojal del psicoanálisis. Anuario de Psicosomática, Tomo I Volumen IV, Montevideo, págs. 13/22, 1995.

 

SINGER, Flora. El psicoanálisis entre la episteme y el enigma, en “Fronteras del psicoanálisis”, Revista Uruguaya de Psicoanálisis de la Asociación Psicoanalítica del Uruguay No.75, págs. 41/54, 1992.

 

SINGER, Flora. El psicoanálisis, un saber de los bordes. Revista Universitaria de Psicología de la Facultad de Psicología, Montevideo, págs. 79/80, 1992.

 

SINGER, Flora. Interconsultas, una asistencia de los intersticios. Revista Relaciones No. 5, Montevideo, 1984.

 

SINGER, Flora. La borderización del sujeto. A ser publicado en la Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, S. Paulo, 2005.

 

SINGER, Flora. La paradoja y lo negativo. Aportes epistemológicos para la Psicopatología Fundamental. Revista Latinoamericana de Psicopatología Fundamental, Vol. III No.1, Sao Paulo, págs. 131/142, 2000.

 

SINGER, Flora. La problemática de la normatividad en psicoanálisis. El aporte de J. Lacan. Revista Temas de Psicoanálisis No. 20, A.P.U. Montevideo, págs. 47/56, 1993.

 

SINGER, Flora. Michel Foucault o la dispersión del sujeto. Aportes para un paradigma psicoanalítico. Revista Temas de Psicoanálisis No.1415 de la Asociación Psicoanalítica del Uruguay, Montevideo, págs. 141/151, 1991.

 

SINGER, Flora. Modelos en psicoanálisis. Revista Latinoamericana de Psicopatología Fundamental. Vol. I, No.2, Sao Paulo., págs. 123/136, 1998.

 

SINGER, Flora. Psicopatología Fundamental: De una cierta transmisión. Revista Latinoamericana de Psicopatología Fundamental, Vol. III No.4, Sao Paulo págs. 112/121, 2000.

 

SINGER, Flora. Sobre la Histeria. En colab. con R.Capurro y R.Landeira. En “Histeria y Obsesión”, Ed.Manantial, Buenos Aires, págs. 120/121, 1986.

 

SOUSA, E. L. A. . (A vida entre parênteses). Correio da APPOA, Porto Alegre, v. 80, p. 1323, 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . A Insegurança Pública. Correio da Appoa, v. 89, p. 1518, 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . A arquitetura dos pensamentos inquietos. Entrelinhas Publicação do CRP, Porto Alegre, v. 4, p. 77, 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . A letra e o outro no Japão. Revista da APPOA, Porto Alegre, v. 18, p. 106116, 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . A paixão da analogia. Revista da APPOA, Porto Alegre, v. 10, p. 6365, 1994.

 

SOUSA, E. L. A. . A repetição e a poética do infinito. Boletim da Pulsional Centro de Psicanálise, São Paulo, v. 61, p. 6812, 1994.

 

SOUSA, E. L. A. . A respeito da crise da arte contemporânea. Caderno de Cultura Zero Hora, Porto Alegre, 17 jul. 1999.

 

SOUSA, E. L. A. . A utopia como pé no chão. Jornal Zero Hora Caderno de Cultura, Porto Alegre, p. 2 2, 16 mar. 2002.

 

SOUSA, E. L. A. . A vida entre parênteses o caso clínico como ficção. Psicologia clínica, Rio de Janeiro, v. 12, p. 1119, 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . Antes:Depois. Revista Arte Futura, Brasilia DF, v. nº 5, p. 1415, 2002.

 

SOUSA, E. L. A. . Aquiles no país da tartaruga um ensaio sobre os paradoxos de Zenão. Revista Che Vuoi?, Porto Alegre, v. 3/4, p. 153161, 1987.

 

SOUSA, E. L. A. . As Utopias como âncoras simbólicas. Correio da Associação Psicanalítica de Porto Alegre, Porto Alegre, v. IX, n. nº 108, p. 2427, 2002.

 

SOUSA, E. L. A. . As fantasias do europeu quando chegava aos trópicos. Caderno de Sábado Jornal da Tarde, São Paulo, p. 30 30, 11 nov. 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . As horizontais e as verticais de Finnegans Wake. Correio da Appoa, Porto Alegre, v. nº 119, n. Ano XI, p. 4852, 2003.

 

SOUSA, E. L. A. . Barroco e Subjetividade. Anais do VII Simpósio de Artes Plásticas, Porto Alegre, p. 3336, 1998.

 

SOUSA, E. L. A. . Barroco e Subjetividade. Revista Educação, Subjetividade Poder, Porto Alegre, v. 5, p. 5659, 1998.

 

SOUSA, E. L. A. . Barroco e Subjetividade. Revista da Associação Psicanalítica de São José do Rio Preto, São Paulo, v. 4, p. 5157, 1999.

 

SOUSA, E. L. A. . Caligrafias de uma subtração. Correio da APPOA, Porto Alegre, v. 78, p. 2023, 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . Contaminações Contemporâneas. Três por quatro, Porto Alegre, p. 24 24, 17 dez. 2004.

 

SOUSA, E. L. A. . Contornos depois da explosão. Jornal do Margs, Porto Alegre, v. 100, p. 3 3, 01 jun. 2004.

 

SOUSA, E. L. A. . Desenhos utópicos de uma carta. Jornal do MARGS, Porto Alegre, p. 4 4, 01 ago. 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . Desequilíbrio Necessário. Jornal Zero Hora Caderno de Cultura, Porto Alegre, p. 6 6, 20 set. 2003.

 

SOUSA, E. L. A. . El Bancadero: uma alternativa comunitária em psicologia. Jornal Nacional dos Estudantes de psicologia, Campinas, v. 1, p. 67, 1983.

 

SOUSA, E. L. A. . Exil et Style. Trimestre Psychanalytique, Paris, p. 2735, 1992.

 

SOUSA, E. L. A. . Exílio e Estilo. Correio da APPOA, Porto Alegre, v. 50, p. 3339, 1997.

 

SOUSA, E. L. A. . Imagens da Origem. Jornal Zero Hora Caderno de Cultura, Porto Alegre, p. 2 2, 01 mar. 2003.

 

SOUSA, E. L. A. . Karl Marx e a invenção do sintoma. Zaro Hora Caderno de Cultura, Porto Alegre, 21 fev. 1998.

 

SOUSA, E. L. A. . La Passion de L'analogie. Bulletin de l'Association Freudienne Internationale, Paris, v. 48, p. 5152, 1992.

 

SOUSA, E. L. A. . Lacan e a filosofia. Revista Che Vuoi?, Porto Alegre, v. 2, p. 7175, 1986.

 

SOUSA, E. L. A. . Lazer e Luxo. Correio da APPOA, Porto Alegre, p. 28 30.

 

SOUSA, E. L. A. . Lazer e Luxo. Correio da APPOA, Porto Alegre, v. 65, p. 2830, 1999.

 

SOUSA, E. L. A. . Manuscritos da origem. Correio da APPOA, Porto Alegre, v. 72, p. 4749, 1999.

 

SOUSA, E. L. A. . Merecemos o que consumimos?. Jornal Zero Hora Caderno de Cultura, Porto Alegre, 27 dez. 1997.

 

SOUSA, E. L. A. . Mímesis e Narcisismo em Psicanálise. Revista da Associação Psicanalítica de Curitiba, Curitiba, v. 3, p. 1321, 1999.

 

SOUSA, E. L. A. . Noites Absolutas. Correio da Appoa, Porto Alegre, v. 93, p. 3438, 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . Noites Absolutas. Revista Aplauso, Porto Alegre, v. 30, p. 12 13, 01 ago. 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . Noites Absolutas. Revista Aplauso, Porto Alegre, v. 30, p. 1213, 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . Novos Estudos sobre a Histeria um comentário. Revista Che Vuoi?, Porto Alegre, v. 1, p. 9193, 1986.

 

SOUSA, E. L. A. . O Brasil no Divã entrevista concedida a Ethel de Paula. Jornal O Povo Caderno Vida Arte, Fortaleza, 16 maio 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . O Destino: a voz Outra da Incerteza. Revista da APPOA, Porto Alegre, v. 17, p. 8893, 1999.

 

SOUSA, E. L. A. . O Inconsciente e as condições de uma autoria. Revista Psicologia USP, São Paulo, p. 225.

 

SOUSA, E. L. A. . O Inconsciente entre o Escrito e o Escritor. Revista da APPOA, Porto Alegre, v. 15, p. 2835, 1998.

 

SOUSA, E. L. A. . O Inconsciente Ótico. Revista da APPOA, Porto Alegre, v. 18, p. 130134, 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . O Obstáculo da teoria. Folha de São Paulo Jornal de Resenhas, São Paulo, p. 6 6, 12 ago. 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . O Silêncio da Violência. Revista da APPOA, Porto Alegre, v. 19, p. 144150, 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . O obstáculo da teoria. Correio da APPOA, Porto Alegre, v. 86, p. 4951, 2000.

 

SOUSA, E. L. A. . O silêncio da Violência. Revista Letras Nº Especial Literatura e Autoritarismo, Santa Maria, v. nº 22, p. 5560, 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . O Índio brasileiro e as virtudes revolucionárias. Correio da Appoa, Porto Alegre, v. 89, p. 5255, 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . O Índio brasileiro e as virtudes revolucionárias. Jornal Zero Hora Segundo Caderno, Porto Alegre, p. 07 07, 17 mar. 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . Os Caminhos e Paradoxos da Repetição. Jornal Zero Hora Caderno de Cultura, Porto Alegre, 15 maio 1993.

 

SOUSA, E. L. A. . Os Olhos da Memória. Psicologia Clínica PósGraduação e Pesquisa (PUC/RJ), Rio de Janeiro, v. 14.1, p. 5360, 2002.

 

SOUSA, E. L. A. . Os Olhos da Memória. Textura Revista de Psicanálise, São Paulo, v. 2, p. 2427, 2002.

 

SOUSA, E. L. A. . Para não ficar de mãos vazias. Encontro Revista de Psicologia Centro Universitário de Santo André, Santo André SP, v. 8, p. 14, 2003.

 

SOUSA, E. L. A. . Para uma transcrição crítica dos seminários de Jacques Lacan. Revista da APPOA, Porto Alegre, v. 8, p. 3239, 1993.

 

SOUSA, E. L. A. . Percursos na Bienal do Mercosul. Arte Futura, Brasília, p. 16 16, 05 dez. 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . Percursos na Bienal do Mercosul. Arte Futura, Brasília, v. 2, p. 1616, 2001.

 

SOUSA, E. L. A. . Protejame daquilo que eu desejo. Revista da Associação Psicanalítica de Porto Alegre, Porto Alegre, v. 14, p. 99104, 1998.

 

SOUSA, E. L. A. . Psicanálise: princípio da dúvida no terreno da certeza. Revista Expansão, Novo Hamburgo RS, v. 66, p. 11 13, 01 maio 2005.

 

SOUSA, E. L. A. . Psicanálise: princípio da dúvida no terreno da certeza. Revista Expansão, Novo Hamburgo RS, v. 66, p. 11 13, 01 maio 2005.

 

SOUSA, E. L. A. . Psicose e Estilos de Escritura. Boletim da Pulsional Centro de Psicanálise, São Paulo, v. 66, p. 4349, 1994.

 

SOUSA, E. L. A. . Quem é o autor que conta a própria vida?. Jornal do Comércio, Porto Alegre, p. 8 11, 16 nov. 1999.

 

SOUSA, E. L. A. . T.S. Eliot: a lógica da citação. Boletim da Pulsional Centro de Psicanálise, São Paulo, v. 60, p. 3338, 1994.

 

SOUSA, E. L. A. . Uma Transferência ao avesso. Boletim da Pulsional Centro de Psicanálise, São Paulo, v. 74, p. 3438, 1995.

 

SOUSA, E. L. A. . Uma homenagem a Michel Foucault. O Continente, Porto Alegre, v. 29, p. 1515, 1994.

 

SOUSA, E. L. A. . Vasos Comunicantes. Correio Brazilense, Brasília, p. 10 10, 01 fev. 2003.

 

SOUSA, E. L. A. . Índios e crucifixos. Correio da Appoa, Porto Alegre, v. 88, p. 6063, 2001.

 

SOUSA, E. L. A. ; JOVER, E. ; RICHTER, E. P. . Repetição e Estilo em Almodovar. Psicologia Reflexão e Crítica, Porto Alegre, v. 11, p. 449465, 1998.

 

SOUSA, E. L. A. ; TESSLER, Elida . Sólidas Formas, Líquidas Imaginações. Jornal do Margs, Porto Alegre, v. 85, p. 5 5, 03 nov. 2002.

 

SOUSA, E. L. A. ; TESSLER, Elida . Violência sem disfarce. Correio da Appoa, Porto Alegre, v. nº 126, p. 510, 2004.

 

SOUSA, E. L. A. ; TESSLER, Elida ; BAVCAR, Evgen ; VERAS, Eduaro . O verdadeiro valor do tempo. Humanidades em Revista, Brasília, v. 49, p. 114120, 2003.

 

SOUSA, E. L. A. ; TESSLER, Elida ; VERAS, Eduardo . Na vereda entre dois mundos inconciliáveis. Caderno de Cultura Jornal Zero Hora, Porto Alegre, p. 4 5, 18 ago. 2001.

 

SOUSA, E. L. A. ; VALADARES, Jorge de Campos ; TESSLER, Elida ; MEYER, Mônica ; CUNHA, Felipe ; OSSANAI, Jorge . Proximidade e Distância necessárias ao ser humano para o convívio e a diversidade. Série Fiocruz Eventos Científicos, Rio de Janeiro, v. 4, p. 3138, 2002.

 

VILHENA, J (2005) Da cultura do medo à fraternidade como laço social. In: Vilhena, J., Vieiralves e Zamora (orgs) AS CIDADES E AS FORMAS DE VIVER. Rio de Janeiro, Ed. Museu da República, pp 19-43.

 

VILHENA, J (2006) A Cidade Roubada. O Rio de Janeiro por trás das grades. In. Yunes (org) A BALA, A FLOR E O PERDÃO: VIOLÊNCIA E RECONCILIAÇÃO. Rio de Janeiro. Ed. PUC.

 

VILHENA, J (2009) Qual a psicanálise que queremos: Clínica psicanalítica e realidade brasileira. In: Souza & Lemos (orgs.) Psicologia e Compromisso Social. Unidade na diversidade. São Paulo. Ed Escuta. pp253-277

 

VILHENA, J. & BITTENCOURT, M. I. G. F. (2008) A espinha partida. Considerações acerca da violência no filme Tsotsi - Infância Roubada. In: ESTUDOS E PESQUISAS EM PSICOLOGIA. UERJ. Vol 8(3)

 

VILHENA, J. & NOVAES, J. V. (2009) O corpo e suas narrativas. Culto ao corpo e envelhecimento feminino. In: PSYCHOLOGICA. Coimbra. Portugal.

 

VILHENA, J. & NOVAES, J.V. (2008) O adolescente e seu corpo. In: MUNDO JOVEM: DESAFIOS E POSSIBILIDADES. UMA PROPOSTA DE TRABALHO COM ADOLESCENTES. São Paulo. Fundação Tide Setúbal

 

VILHENA, J. & NOVAES, J.V. (2009) Un corps à la recherche d'un logement.Corps, violence et médecin. In: LE CORPS CONTEMPORAIN : CRÉATIONS ET FAITS DE CULTURE. Paris, L´Harmatan

 

VILHENA, J. & ZAMORA, M.H. (2006) O estupro e o feminino.

 

VILHENA, J. (2006) Clínica psicológica com populações de baixa renda. Dispositivos clínicos e agenciamentos subjetivos. In: POLÊMICA, N.16 Rio de Janeiro, UERJ.

 

VILHENA, J. (2006) L´Être dans la separation. Sur l´identité conjugale. In: LATIN AMERICAN JOURNAL OF PSYCHOPATOLOGY ON LINE, Vol. 3. n.1.

 

VILHENA, J. (2007) A violência da cor. Sobre racismo, alteridade e intolerância. In. REVISTA PSICOLOGIA POLÍTICA.FAFICH,UFMG, Vol. VI, n.12 pp 391 - 413.

 

VILHENA, J. (2007) Em nome de Deus. O Outro como demônio. In: Vilhena e Zamora (orgs) A CIDADE E AS FORMAS DE VIVER II.RELIGIÕES, FÉ E FUNDAMENTALISMOS. Rio de Janeiro, Ed. Museu da República.pp 73-99.

 

VILHENA, J. (2007) Psychoanalysis and low income populations: territory, uprootment and production of subjectivity. In: LATIN AMERICAN JOURNAL OF FUNDAMENTAL PSYCHOPATOLOGY ON LINE, Vol. 4 N.1 São Paulo. Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental, pp 45-56.

 

VILHENA, J. (2007) É proibido sonhar... Sobre a banalização da violência. In: REVISTA POLÊMICA. UERJ. N.19.

 

VILHENA, J. (2008) Palavras sufocadas...atos desesperados.Violência, lei e subjetivação. LATIN AMERICAN JOURNAL OF PSYCHOPATHOLOGY ON LINE. Vol.5 (2) pp 241-252

 

VILHENA, J. (2009) O Rio de Janeiro entre quatro paredes. Cidade, confinamento e sociabilidade. LATIN AMERICAN JOURNAL OF FUNDAMENTAL PSYCHOPATHOLOGY ON LINE., v. 6, n. 1, p. 101-107, maio de 2009.

 

VILHENA, J. NOVAES, J. V. (2007) Rio Maravilha: apenas uma questão de aparência. Sobre a sociabiliade carioca. In: REVISTA DO TRIBUNAL DE CONTAS DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO, Ano XXIV, n. 36. pp 62- 65.

 

http://www.unifor.br/notitia/file/797.pdf VILHENA, J., MEDEIROS, S. & NOVAES, J. V. (2005) A violência da imagem. Estética, feminino e contemporaneidade. In: REVISTA MAL ESTAR E SUBJETIVIDADE. Vol.V. N.1. Fortaleza. UNIFOR, pp 109-144

 

VILHENA, J., Maia, M. V. M. & NOVAES, J. V. (2005) Destituição da infância e crise na contemporaneidade. In: PULSIONAL REVISTA DE PSICANÁLISE. São Paulo. Ed. Escuta. pp 85-91.

 

VILHENA, J., NOVAES, J. V. & ROCHA, L. (2008) Comendo, comendo e não se satisfazendo – apenas uma questão cirúrgica? Obesidade mórbida e o culto ao corpo na sociedade contemporânea. In: REVISTA MAL- ESTAR E SUBJETIVIDADE, v.8, n.2. pp 379-406.

 

Vilhena, J BARROSO, N. (2005) As três tecelãs. Notas sobre a relação entre a mulher, a violência e o trabalho. In: Psikhê, vol. 8., n.2. São Paulo, FMU pp 1425.

 

Vilhena, J MEDEIROS, S (2002). Midia e Perversão. In: Ciência Hoje. Vol.31, n.183. Rio de Janeiro, SBPC. Pp 2831.

 

Vilhena, J MEDEIROS, S. (2001) Religião, Mídia e Violência. Sobre os atentados nos Estados Unidos. In: Ciência Hoje. Vol.30, n.177. Rio de Janeiro, SBPC. pp 7072

 

Vilhena, J SANTOS, A (2000). Clínica psicanalítica com comunidades. Um desafio contemporâneo. In: Cadernos do Tempo Psicanalítico. Rio de Janeiro, SPID n.32 pp 0935.

 

Vilhena, J SANTOS, A. (2000). Quem cala consente. A cultura da violência e a ética da psicanálise. In: Psyche.Revista de Estudos Psicanalíticos. Vol. IV, n.5 São Paulo, Unimarco.pp:157182

 

Vilhena, J ZAMORA, M.H. (2001). Na trama da cultura. Considerações sobre a violência policial. Revista do Departamento de Psicologia – UFF, 11 (1).pp 2538

 

Vilhena, J (2000). Vida de tira… Representações da violência e da transgressão na polícia civil do Rio de Janeiro. In: Cadernos de Psicologia.Série Clínica. n.10 . Rio de Janeiro. UERJ. pp 117131

 

Vilhena, J (2001). As raízes do silêncio. Sobre o estupro feminino. In:Cadernos do Tempo Psicanalítico. Rio de Janeiro, SPID, n.33. pp 5569.

 

Vilhena, J (2002). A Arquitetura da violência.Reflexões acerca da violência e do poder na cultura. In: Cadernos de Psicanálise. Rio de Janeiro, SPCRJ. Vol.18. N.21. pp 181200.

 

Vilhena, J (2002). Da cidade onde vivemos à uma clínica do território. Lugar e produção de subjetividade. Pulsional Revista de Psicanálise. São Paulo. Ed. Escuta. XV; n. 163. pp 4854.

 

Vilhena, J (2002). Da família que temos à família que queremos. Famíia como base de apoio. Edição especial da Revista O Social em Questão.VII. n. 7. Rio de Janeiro, CIESPI, Instituto Promundo e Dept. de Serviço Social PUCRio, . pp 4562.

 

Vilhena, J (2003) Do bem e do mal no discurso dos evangélicos. Reflexões psicanalíticas. In: Psychê. Revista de Psicanálise. São Paulo. Ed Unimarco.Vol.VII, n.11, pp 97116

 

Vilhena, J (2004). Tá tudo dominado...Cidade, confinamento e subjetividade. In: Vilhena, J (org) A clínica na universidade. Teoria e prática. São Paulo. Ed. Loyolla/PUC. pp 95111.

 

Vilhena, J (2005) Repensando a família. In:Psicologia.com.pt

 

Vilhena, J, DIMENSTEIN, M. ZAMORA, M.H (2000). El Impacto de la cultura y del formación professional psicólogo en el trabajo comunitario.In: Revista de Psicologia Universidade do Chile. Santiago, Vol.IX (1) pp 185194.

 

Vilhena, J. AMARAL, M.E. (2002). Em busca de uma certa singularidade. Reflexões acerca da psicanálise infantil em uma instituição. In: Psychê. Revista de Psicanálise. VI, n.9. São Paulo, Unimarco. pp 197211.

 

Vilhena, J. MAIA, M.V.M. (2003). Agressividade e violência. Reflexões acerca do comportamento antisocial e sua inscrição na cultura contemporânea. In: Revista MalEstar e Subjetividade, UNIFOR, Fortaleza, v. II, n. 2, pp. 2758.

 

Vilhena, J. MAIA, M.V.M. (2003). Nos deram espelhos e vimos um mundo doente. reflexões sobre agressividade, comportamento antisocial e violência na cultura contemporânea. In: Revista Eletrônica de Psicologia da Faculdade de Ciências da Saúde FASU, Santa Catarina, v. I, n. 1.http://www.revista.inf.

 

Vilhena, J. MEDEIROS, S. (2003). Os fundamentos do mal. Ciência Hoje, SBPC, Rio de Janeiro, v. 33, n. 198, pp. 5961.

 

Vilhena, J. MEDEIROS, S. (2003). War as a Spectacle Makes the Human Tragedy Banal. In: Clio’s Psyche. Psychohistory Forum. The Psychohistory Forum, NJ. Vol. 10, n.1. pp 911.

 

Vilhena, J. MEDEIROS, S. (2004) O diabo e o gozo do outro. O retorno do demônio no discurso neopentecostal. In. Revista Percurso. São Paulo. Ed. Escuta ,XVII, n.33, pp8392.

 

Vilhena, J. ZAMORA, M. H. (2002). Being a Child in a Brazilian Slum. In: Clio’s Psyche. Psychohistory Forum. The Psychohistory Forum, NJ.vol.9, n.1 pp1618.

 

Vilhena, J. ZAMORA, M.H. (2000). O Trabalho do Psicólogo com comunidades. Cultura e formação profissional. In: Psicologia Clínica. PUCRio V 12, n.1, pp 133146.

 

Vilhena, J. ZAMORA, M.H. (2001). Reflections on Police Violence in Brazil. In: Clio’s Psyche. Psychohistory Forum. The Psychohistory Forum, NJ, Vol.8, N.8. pp 1823

 

Vilhena, J. ZAMORA, M.H. (2005) Além do Ato. Os transbordamentos do estupro. In: Revista Rio de Janeiro. Rio de Janeiro – Ed.UERJ, VI, 12.

 

Vilhena, J. (2003). Da claustrofobia a agorafobia. Cidade, confinamento e subjetividade. In: Revista do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro – Ed.UERJ. V. IX, pp –7790.

 

Vilhena, J. ZAMORA, M.H. DIMENSTEIN, M. (2003). Infancias robadas. La vida de los jóvenes em las favelas de Rio de Janeiro. In: Psicoanálisis y el Hospital. Buenos Aires. Psichos. XII, n. 23, pp 3540.

 

Vilhena, J., MAIA , M.V., NOVAES, J.V. BITTENCOURT, M.I.(2004). Cortando e costurando a gente vai criando. A agressividade como forma de comunicação. In: Vilhena, J (org) A clínica na universidade. Teoria e prática. São Paulo. Ed. Loyolla/PUC. pp 205226.

 

vilhena, J. Medeiros, S. & novaes, J. V. (2006) Médios de comunicación, estética y valor econômico.In: PSYCHOANALYSIS Y EL HOSPITAL..N.29. Buenos Aires. pp 67-73.